sábado, 24 de janeiro de 2009

Deixem os vossos comentários ou coloquem as vossas questões!


Uma vez que têm surgido alguns comentários de leitores, lembrei-me de sugerir que aqueles que já leram ou estão a ler A fantástica aventura dos Anões da Luz e ainda não se manifestaram, o façam, quer seja comentando o livro, dizendo como foi/está a ser a vossa experiência de leitura e tudo o mais que queiram (só não contem a história, já que haverá quem ainda não tenha lido!), quer seja colocando-me questões, às quais terei todo o gosto em responder.

Deixem os vossos comentários e/ou perguntas em qualquer post ou enviem-nos para o meu e-mail do blog, que é o seguinte:

fantasticaventuradosanoesdaluz@gmail.com

Aqui fica o apelo! Fico à espera do vosso feedback! Podem crer que ele é importante para mim, pois é muito bom poder partilhar o meu livro com outras pessoas e saber como foi para elas entrar neste universo que tanto prazer me deu criar!

sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Publico aqui mais um comentário de uma leitora, que foi deixado num dos posts anteriores. Aproveito para agradecer estes comentários que me têm chegado.

"A Fantástica Aventura dos Anões da Luz
Em busca de Sulti

Um hino à amizade, a viagem de uma vida, onde os simpáticos anões da luz irão descobrir que a força do coração é mais poderosa do que qualquer magia. O livro ideal para se ler em família pela mensagem que transmite entre linhas, que convida a reflectir sobre o mundo que nos rodeia. Deixa um óptimo indicador acerca do que poderá vir por aí pela mão desta surpreendente escritora. Memorize este nome: Catarina Coelho"
Irina Ganhão

quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

Fotografias da apresentação do livro e sessão de autógrafos na livraria Bertrand do Fórum Montijo

Aqui fica uma pequena amostra do que foi esta noite tão agradável. Aproveito para deixar os meus agradecimentos a todos os participantes.




domingo, 11 de janeiro de 2009

O que se segue não tem a ver com o livro, mas achei que, como está relacionado com a minha escrita, poderia deixar aqui uma breve nota sobre o assunto. Um conto meu, cujo título é A cidade onde era proibido escrever (dirige-se a um público diferente do público deste livro, já que é um conto de literatura infantil) foi publicado no nº 5 da revista literária Callema. Podem ver mais sobre a revista aqui: http://www.cooperativaliteraria.net/?op=callema
Mais dois comentários de leitoras

Desde já agradeço mais estes dois comentários. Acho que é importante para quem escreve perceber que o que escreveu tocou alguém e, no meu caso, isso é sem dúvida verdade.

O comentário que se segue foi publicado no blog As Leituras do Corvo, em http://asleiturasdocorvo.blogspot.com/ (desde já sugiro a visita).

"É, sem dúvida, uma obra luminosa este primeiro livro que Catarina Coelho nos apresenta. Luminosa pelo ambiente que inicia a história, calmo e pacífico, cheio de uma harmonia capaz de invadir os corações, mas também pela forma de escrita, que nos agarra e envolve como se também nós pudéssemos ser um desses pequenos seres, tão mágicos e harmoniosos, que partem em busca de Sulti.
Capaz de nos cativar desde a primeira página, esta aventura apresenta-nos, de uma forma profundamente viciante, o eterno duelo entre a luz e as trevas, mas este duelo, mais do que entre dois grupos de contendores, passa-se no coração dos pequenos anões de quem tão avidamente seguimos o percurso. Encontramo-nos, a cada passo, com paisagens diferentes, na sua mágica beleza, com criaturas poderosas e, por vezes, ameaçadoras, mas o mundo que a Catarina criou ensina-nos uma grande lição. Existe sempre uma luz capaz de superar as trevas.
E são esses os dilemas com que nos encontramos, como se fôssemos as personagens. O poder seduz-nos, arrastando-nos para uma luta interior. Quanto estaremos dispostos a perder para conquistar a vitória? E a coragem das personagens embala-nos como num sonho, enquanto, por vezes, o sucesso se assemelha a uma miragem, mas, ainda assim, os pequenos seres que lutam contra o tempo, contra a tentação, contra as suas próprias fraquezas, e ainda contra os inimigos exteriores, conseguem encontrar a força pelo meio do desânimo.
Trata-se, sem dúvida, de uma história mágica, capaz de apelar aos corações dos mais jovens, pela magia e pelas lições importantes que contém, mas também capaz de fascinar os mais velhos, pelo fantástico enredo da história, pelo realismo dos sentimentos e contradições que tocam a alma das personagens e pela magnífica forma de escrita da Catarina.
Sem dúvida alguma que recomendo o livro a todos os apreciadores de uma história fantástica bem escrita, cativante e capaz de nos ensinar um pouco. Porque os anões da luz e todas as outras criaturas que nos são apresentadas cativam-nos a alma e fazem-nos sonhar, como se desse mundo fizéssemos parte.
Muitos parabéns, Catarina, por este livro lindíssimo. Vou ficar à espera de mais!"
Carla Ribeiro


O próximo comentário foi deixado por uma leitora no post anterior deste blog e aqui fica agora:

"Antes de qualquer palavra em relação ao livro, ficam as minhas felicitações à autora, Catarina, com os desejos de um enorme sucesso!
Esta aventura é de facto uma excelente história que nos faz trabalhar a imaginação a todo o vapor.É um livro que se adapta a qualquer faixa etária, carregado de emoção e mistério.A inocência das personagens consegue sensibilizar o leitor para questões como a amizade, o carinho, a protecção, a união, o respeito, etc.Aconselho vivamente a leitura desta obra e aguardo por novas aventuras! Mais uma vez, muitos parabéns Catarina!

beijinhos
Carina"